– Sim! 100% sim ao seguro de viagem!“Chego ao porto e vejo ambulâncias, pessoas com queimaduras pelo corpo, pessoas a chorar. O mesmo barco que usei para vir de Bali para Lombok teve uma explosão no motor a meio do percurso!
– Ninguém morrer foi uma sorte. – Dizem alguns.
Sigo até à bilheteira e está um caos, algumas pessoas perderam o voo que os levaria de Lombok para outras ilhas, outras foram parar ao hospital. O gerente da agência diz que não paga nada a ninguém, que são coisas que acontecem.”

Esta situação aconteceu na minha grande viagem. Felizmente eu não estava no barco. Comecei a viagem com seguro, mas quando ele expirou achei que não havia necessidade de gastar mais dinheiro. No mesmo dia que este acidente aconteceu, assim que cheguei ao meu alojamento, fui logo renovar o seguro para mais alguns meses!

Como eu pensava na altura, muita gente ainda acredita que um seguro de viagem é um desperdício de dinheiro, o que não é de todo verdade!

Fico muito feliz que não aconteça nada em viagem, que nunca precise dele, aliás, que nem me lembre que o tenho, mas, no momento que algo acontece ele pode ser o nosso melhor amigo.

Por exemplo: se fizerem uma viagem de duas semanas à Indonésia ou aos Estados Unidos com a Iati Seguros, uma companhia de seguros com atendimento personalizado, bastante simpático e rápido em português, têm preços de seguros variáveis entre os 47€, o pacote básico e os 97€, para o pacote estrela premium. Valor que nos Estados Unidos ou em outro qualquer país ocidental não chega nem para uma consulta no médico.

Um fim-de-semana de 3 noites em qualquer cidade europeia fica entre 9€, pacote básico e 36€, pacote estrela premium.

E agora vocês dizem:

– Mas na Europa temos o cartão europeu de saúde.

É de todo verdade e eu aconselho a terem sempre, mas o seguro da Iati também cobre, entre outras coisas, transporte de um familiar em caso de terem de ser hospitalizados por um período significativo, assim como o vosso regresso a casa em caso de hospitalização de um familiar ou sua morte, roubo e danos da bagagem.

Ou seja, ter seguro é sempre importante, mesmo quando pensamos que vamos só passar uns dias no lugar mais seguro do mundo. No fim, se não o utilizarmos melhor!

*Eu dou o exemplo da Iati Seguros porque é a empresa com quem trabalho e confio, nunca a aconselharia se assim não fosse. Por este motivo criei uma parceria com a Iati e quem adquirir um seguro através de um link do meu blog vai ter um desconto de 5%.

Boas viagens!

Fotografia: Lombok, Indonésia, Junho de 2015