Subir e descer, subir mais antes de descer outra vez, depois subir, subir e subir antes de voltar a descer, descer e descer antes de voltar a subir uma vez mais. E ao fim do dia lá está um lago, nos últimos 5 dias acampei ao pé de três e claro que entrei em todos. Um estava congelado, literalmente congelado, não consegui ficar mais de 10 segundos lá dentro, mas mesmo esses 10 segundos deram-me anos de vida!
A maior parte dos dias eu ando e acampo sozinho. Uma noite destas eu pensava que estava sozinho mas acordei com 6 ou 7 ratos a tentar entrar para a minha tenda! Que noite… 
A pessoa com quem tenho estado mais é o Behemoth, ele é do Minisota e está a fazer o PCT enquanto a sua mulher está a fazer um estágio de um ano em Iowa. Às vezes não nos vimos por um ou dois dias mas acabamos sempre por ir parar aos mesmos locais.
O meu corpo está a reagir bem, em algumas subidas vou quase a bater com a cabeça no chão mas depois olho em volta e tenho estas vistas. É tão bonito aqui!

Dia 6 (36 km) – Alguns ratos tentaram entrar na minha tenda e dormir comigo;
Day 7 (38,1 km) – Mergulhei num lago gelado;
Day 8 – (43,9 km) – Porque que é que os mosquitos existem?
Day 9 – (41,4 km) – Só quero comer e comer mais;
Day 10 – (29,2 km) – Dia de fazer compras e comerrrrrrr.

– Eu estou a viajar com a  Iati Seguros, quem adquirir um seguro através de um link do meu blog vai ter um desconto de 5%: 

– Todas as fotos neste artigo foram tiradas com o Samsung Galaxy S10.